BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates

Hiperglicemia: O que é? Por que ocorre?

Uma das grandes dificuldades da hiperglicemia é o seu diagnóstico, pois os seus sintomas nem sempre são perceptíveis podendo levar dias ou até semanas para descobrir o problema. Por isto para quem possui diabetes o controle do açúcar no sangue é muito importante para saber se a quantidade de insulina está sendo adequada. A prevenção é a melhor forma de ficar longe deste problema de saúde, que é bastante grave. A alimentação saudável associado a atividades físicas é umas das maneiras de se prevenir.

Hiperglicemia: O que é? Por que ocorre? (Foto: Divulgação)

O que é a hiperglicemia?

A hiperglicemia é o aumento do nível de açúcar no sangue. Sendo comum para quem tem diabetes. Geralmente os sintomas estão associados à dor de cabeça, enjoo e sede. Nem sempre a taxa de açúcar no sangue alto indica que a pessoa é diabética. Para evita-la é preciso cuidar da alimentação procurando ficar longe dos doces. A vida sedentária também é uma das causas de contrair esta doença, a pratica de exercícios ajuda a equilibrar o açúcar no sangue.

Qual é causa da hiperglicemia?

São vários os fatores que podem contribuir para o aparecimento da hiperglicemia dentre elas podemos destacar:

– Falta da aplicação da insulina;

– Sedentarismos;

– Comer carboidratos em excesso;

– Estresse;

– Para quem é diabético tipo 2 pode ser que a insulina não esteja sendo o suficiente.


Hiperglicemia: O que é? Por que ocorre? (Foto: Divulgação)

Quais os sintomas da hiperglicemia?

Os sintomas da hiperglicemia nem sempre são perceptíveis, isto é muito ruim, pois o problema poderá se agravar com o tempo, dentre alguns sintomas que podem ser sentidos podemos destacar:

– Dores de cabeça;

– Perda de peso;

– Muita sede;

– Cansaço;

– Glicemia elevada;

– Dificuldade de concentração;

– Micção frequente;

– Nível de açúcar elevada na urina;

– Visão embasada;

– Nível de glicose superior a 180 mg;

Hiperglicemia: O que é? Por que ocorre? (Foto: Divulgação)

Quais são as formas de tratamento para a hiperglicemia?

Os tratamentos são feitos conforme a necessidade de cada paciente, pois nem sempre quem está com hiperglicemia é diabético, pode ser um estado emocional, associado a um estresse muito grande, que eleva o açúcar no sangue. Para quem é diabético, o monitoramento da glicose é de suma importância. Fazer as anotações básicas como a data, a hora do dia, o que comeu e o nível da glicose no sangue poderá auxiliar o médico a fazer uma avaliação se o remédio ou a insulina está fazendo o efeito desejado.

Os exercícios físicos associados a uma alimentação saudável com verduras, legumes, grãos integrais e frutas também ajudam a regular os níveis de açúcar. Cuide-se!

Sobre bety

Meu nome é Bety tenho duas paixões na vida: ler e escrever. Depois que começo a digitar não consigo mais parar, escrevo de tudo um pouco, informação nunca é de masis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *