BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates

Sintomas de glicose baixa: Quais são?

A glicose baixa ou hipoglicemia pode ser considerada um efeito colateral do tratamento de diabetes ou então estar associado a outros problemas. O açúcar baixo não deve ser ignorado, pois pode ocasionar danos irremediáveis a saúde. Existem dois tipos da glicose baixa que são: hipoglicemia de jejum e hipoglicemia pós-prandial ou reativa que ocorre depois das refeições. Por isto quem é diabético necessita testar o nível de açúcar com frequência para ter um controle e evitar problemas mais graves.

Sintomas de glicose baixa: Quais são? (Foto: Divulgação)

Quais são as causas da glicose baixa?

Muitas pessoas podem desenvolver a glicose baixa, principalmente a de jejum, para entender melhor como isto acontece será necessário entender como o nosso organismo trabalha durante a nossa alimentação, quando ingerimos os alimentos os nutrientes são absorvidos e convertidos para o nosso corpo em varias moléculas de açúcar que se transformando em energia. Quando existe um desequilíbrio onde os diabéticos usam a insulina e o pâncreas que é responsável em regular o açúcar no sangue não funciona, o diabético em vez de aumentar a quantidade de açúcar no sangue cai bruscamente e isto é muito perigoso para a saúde.

Sintomas de glicose baixa: Quais são? (Foto: Divulgação)

O que fazer quando ocorre a glicose baixa com diabetes?

Quando o nível de açúcar esta muito elevada, acima de 126 mg/dl no jejum e isto acontece consecutivamente nos exames de sangue, o paciente é diagnosticado com diabetes. O que ocorre muitas vezes ocorre é o uso excessivo de insulina que pode causar um caso de hipoglicemia, ou seja, de glicose muito baixa. Por isto a importância do médico e paciente estarem atuando juntos para controlar a doença.


Sintomas de glicose baixa: Quais são? (Foto: Divulgação)

O que fazer quando ocorre a glicose baixa reativa ou pós-prandial?

Este tipo de glicose baixa ou hipoglicemia é muito menos comum do que a de jejum. A diminuição da glicose acontece depois de 3 ou 5 horas após as refeições, este tipo de problema é o resultado do desequilíbrio entre os níveis de glicose e de insulina no sangue. Podendo aparecer mais facilmente em pessoas que passaram por cirurgias bariátricas (redução do estômago), mas infelizmente pode aparecer em qualquer outra pessoa que não tenha feito este tipo de cirurgia.

Sintomas de glicose baixa: Quais são? (Foto: Divulgação)

Quais são os sintomas da glicose baixa?

O corpo humano precisa ter um equilíbrio na quantidade de açúcar para conseguir fazer todo o processo de estabilidade do organismo. Dentre os sintomas mais comuns do açúcar baixo podemos destacar:

-Comportamento anormal;

-Confusão mental;

-Alteração de humor com muita Irritabilidade;

-Dificuldade em realizar atividade simples;

-Convulsões;

-Perda da consciência;

-Entrar em coma;

-Formigamento ao redor da boca;

-Palpitações no coração;

-Suor frio;

-Ansiedade;

-Tremores;

-Fome excessiva;

Sintomas de glicose baixa: Quais são? (Foto: Divulgação)

Qual é tratamento para a glicose baixa?

O tratamento depende de quais são os sintomas que o paciente apresenta. Em casos menos graves da doença a simples ingestão de açúcar, poderá resolver de imediato, mas em casos mais graves o paciente poderá precisar de injeções de glucagon ou glicose intravenosa e o mais importante que serve para todos os casos é a mudança da rotina com exercícios físicos e alimentação balanceada.

Sobre bety

Meu nome é Bety tenho duas paixões na vida: ler e escrever. Depois que começo a digitar não consigo mais parar, escrevo de tudo um pouco, informação nunca é de masis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *