BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates

Barriga Negativa: o que é? Como conseguir? Aprenda aqui!

Em busca da barriga dos sonhos? Aprenda agora como conseguir a tão sonhada barriga negativa.

Vamos começar com um breve teste: você provavelmente está lendo essa matéria sentada. Então olhe para baixo em direção a sua barriga e observe se ela está fazendo “dobrinhas” nas laterais ou se você consegue fazer um sorriso com seu próprio umbigo. Bom, se uma das duas coisas já está acontecendo com você, esta é a hora de mudar a situação. O corpo & estética vai te ajudar nessa missão e te explicar tudo e mais um pouco sobre a barriga negativa. E é claro, vamos ensinar o passo a passo para você conseguir uma. Siga em frente!

O que é barriga negativa?

barriga negativa

Essa história de barriga negativa começou quando a maravilhosa modelo sul-africana Candice Swanepoel postou no seu Instagram a foto de seu abdômen, e legendou ela de “barriga negativa”. Para quem não viu a foto vou descrevê-la: A modelo estava em pé vestida somente com uma espécie de top e uma calça folgada de malha, deixando totalmente a mostra sua incrível e sensacional barriga em formato côncavo, ou seja, voltada para dentro. Bastou isso para a tão sonhada barriga – não mais tanquinho – e sim “negativa” caísse na graça de todo o mundo.

Eu quero, como conseguir?

Vamos ser sinceras. Isso não vai acontecer da noite pro dia, está bem? Mas com esforço, disciplina e seguindo nossas dicas você chega lá. Bom, a princípio será mais fácil se seu biótipo for favorável, algumas pessoas são mais propensas a não acumular gordura na área do abdômen, se você for dessas já será meio caminho andado. No mais, preparamos algumas regras para você seguir e conseguir sua barriga negativa.

Dietas restritivas:

A princípio você pode começar com algumas das dietas restritivas, onde se corta brutalmente diversos alimentos do tipo: proteínas, gorduras, açúcar e álcool. Dietas com esse perfil só podem durar no máximo 10 dias e após isso você já deve estar preparada para uma reeducação alimentar para evitar a ingestão de uma grande quantidade de calorias.

Exercícios aeróbicos:

Engana-se quem acha que para secar a barriga é preciso se acabar nos abdominais. Eles ajudam sim, mas existem outros exercícios mais eficazes para a queima de gordura localizada. Aposte em exercícios aeróbicos, ginásticas ou corridas. Comece com sequencias leves e vá aumentando o ritmo gradualmente. Mas é claro, não se esqueça de também fazer abdominal.

Remédios naturais:

Você deve conhecer a maioria deles: Óleo de coco, quitosana, chá verde, farinha seca barriga. Existe uma gama de produtos naturais que vão te auxiliar na perda de peso e na queima da gordura localizada. Procure uma loja especializada em produtos naturais e passe a consumir esses produtos.


Cardápio:

Falamos que é bom começar com as dietas restritivas para dar aquele gás. Mas atenção para sua alimentação após a dieta. Risque do seu cardápio alimentos com muito sal, gordura, bebidas alcoólicas, carne vermelha, embutidos e produtos industrializados. Na maioria das vezes todos esses alimentos possuem uma grande quantidade de sódio, o qual contribui para a retenção de líquidos e consequentemente o inchaço do corpo. Aposte em alimentos ricos em fibras, pois eles retardam a absorção de açúcar no sangue e beba muita, muita água mesmo.

 

Para ter uma barriga negativa o trabalho é árduo e persistente. Mas você nunca vai conseguir se não começar a mudar suas atitudes. Aproveite nossas dicas e comece a mudar sua rotina aos poucos e leve os bons hábitos para o resto da vida.

 

Gostou da matéria? O que você faz para ter uma barriga sarada? Conte pra gente ou deixe suas dúvidas e sugestões nos comentários. Espero que consigam e até a próxima.

 

Recomendados para você:

Sobre Jessyka

Jéssyka Saquetto é Redatora Web, estudante de jornalismo e uma aficcionada pela escrita. Além do Corpo & Estética ela vive agindo e produzindo por aí em vários outros sites.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *