BIGtheme.net http://bigtheme.net/ecommerce/opencart OpenCart Templates

Como se pega Gripe H1N1?

A Gripe H1N1 nada mais é do que a gripe suína, também conhecida como gripe A. Trata-se de uma mutação do vírus da gripe, sendo bem mais forte que a gripe comum. O meio de transmissão é o mesmo da gripe comum, a diferença é que os sintomas são mais fortes e, caso não sejam tratados no início, podem causar a morte. A seguir, conheça os sintomas, as causas e o tratamento para a gripe H1N1.

Gripe H1N1 sintomas

A gripe A possui sintomas extremamente parecidos com a gripe comum, mas é importante ficar atento ao fato desses sintomas surgirem de forma mais agressiva. Os principais sintomas incluem: febre maior do que 38ºC, dores pelo corpo, espirros, tosse seca, dores de cabeça, dor de garganta, calafrios, cansaço, entre outros.

Gripe H1N1
Gripe H1N1. Imagem:divulgação

Em casos raros a gripe A também pode causar diarreia e vômito. O mais indicado é que assim que observar a presença dos sintomas, procure o médico.

Gripe H1N1 causas

A primeira pandemia dessa gripe foi em 1919. Desde então, o vírus causador da gripe age de forma sazonal. O vírus Influenza A, responsável pela gripe, era conhecido por causar problemas aos porcos, mas aconteceu pela primeira vez em humanos por meio da mutação, que recebeu o nome de H1N1.

Gripe H1N1 tratamentos

Quando você suspeitar que está com a gripe H1N1, você deve procurar um clínico-geral, um infectologista ou um pneumologista. O tratamento consiste em tratar os sintomas o mais rapidamente possível, de modo a evitar que eles se tornem cada vez mais graves.

Gripe H1N1
Gripe H1N1. Imagem:divulgação

Alguns tratamentos caseiros podem ajudar, como preparar chás com ótimas propriedades para ajudar a baixar a febre, devolver a disposição e acabar com os demais sintomas. De todas as formas, é fundamental seguir as recomendações médicas.

Gripe H1N1 vacina

Todos os anos há campanhas de vacinação contra a gripe H1N1 em todo o país. Qualquer pessoa pode e deve se vacinar, mas geralmente as cidades dão prioridade aos grupos de risco. As vacinas são disponibilizadas gratuitamente nos postos do SUS de todo o país, basta comparecer no período indicado para ser vacinado.

Os grupos de riscos são compostos por crianças de 6 meses a 5 anos, pessoas com mais de 60 anos, gestantes, trabalhadores de saúde, povos indígenas, entre outros.

Gripe H1N1 tem cura?

Sim, a doença tem cura desde que seja descoberta no início. Por isso é fundamental prestar bem atenção nos sintomas e, mesmo que suspeite de ser uma gripe normal, consulte o médico.


Gripe H1N1 prevenção

Há várias formas de se prevenir contra a doença, sendo a principal delas efetuar a vacina. Além disso, é recomendado manter a hidratação do corpo ingerindo bastante água, assim como lavar as mãos sempre com água e sabão. Você também deve evitar compartilhar objetos como talheres, toalhas e copos com outras pessoas.

Gripe H1N1
Gripe H1N1. Imagem:divulgação

Gripe H1N1 no rio grande do sul

A vacinação contra a gripe H1N1 foi prorrogada no Rio Grande do Sul devido à morte de uma mulher por causa da gripe. Tudo indica que ela não havia sido vacinada.

Gripe H1N1 em Goiás

Em Goiás houve cerca de 36 mortes por causa do vírus, levando a cidade a antecipar o início da vacinação. Essas estatísticas mostram o quanto é importante se vacinar e cuidar da saúde.

Recomendados para você:

Sobre Analice Gomes

Analice Gomes é redatora, pesquisadora, blogueira e estudante de moda. Adora ler e viajar e vive compartilhando dicas e toques legais com vocês aqui no Corpo & Estética

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *