Intolerância a lactose: entenda como ocorre

Você já deve ter ouvido falar em intolerância a lactose. Alguém da sua família pode ter, sua amiga ou até mesmo o seu colega. A intolerância a lactose é um problema que atinge muitas pessoas, independente do seu sexo, idade e condição financeira. Muitas vezes pode ser passada dos pais para os filhos e ainda há quem confunda com apenas uma alergia ao leite.

Existem, no geral, 3 tipos de intolerâncias e hoje você vai aprender como identificá-las.

Intolerância a lactose: entenda como ocorre (Foto: Divulgação)
Intolerância a lactose: entenda como ocorre (Foto: Divulgação)

O que é Intolerância a Lactose

É uma deficiência do corpo que impede que o indivíduo consiga ingerir lactose, o principal açúcar encontrado no leite e seus derivados. Isso acontece porque essas pessoas não produzem uma enzima na quantidade necessária: a lactase. A lactase é a enzima responsável pela digestão de lactose no organismo, na falta dela, o organismo não consegue digerir.

Quando o indivíduo ingere lactose sem saber da intolerância – ou muitas vezes sabendo – pode ter alguns desconfortos como diarreia, gases, náuseas, mal estar e dores abdominais.

Os tipos de Intolerância a Lactose

A intolerância a lactose congênita é aquela que vêm desde o nascimento, é um tipo raro e normalmente vem dos pais. A intolerância a lactose primária começa a aparecer ao longo dos anos quando a produção de lactase é diminuída. A intolerância a lactose secundária é aquela que surge depois de um problema de saúde, cirurgia ou por algum motivo que baixe a imunidade.

Independente de qual seja a sua lactose, ela não traz riscos de morte e você só precisa ficar longe da lactose para não sentir os desconfortos.

Intolerância a lactose: entenda como ocorre (Foto: Divulgação)
Intolerância a lactose: entenda como ocorre (Foto: Divulgação)

Intolerância a Lactose ou Alergia ao Leite?

Muita gente pode confundir intolerância a lactose com uma alergia ao leite, pois os sintomas são muito parecidos. A diferença é que a alergia ao leite é muito perigosa como qualquer outra alergia, causando reações como falta de ar, inchaço nos olhos, crises de tosses a quem toma o leite.

A pessoa alérgica ao leite pode ter uma reação alérgica mesmo consumindo baixos teores de lactose, o que muitas vezes não acontece em intolerantes.

O que pode e o que não pode

Algumas pessoas intolerantes a lactose podem tomar o leite com baixo teor de lactose e também outros alimentos. Intolerantes podem tomar além de leites com baixo teor, gotas de enzima de lactose ou cápsulas de enzima de lactose. Além de queijos duros e iogurtes.

Por outro lado, há algumas coisas que devem ser evitadas: alimentos que provoquem alguma reação e medicamentos à base de lactose.

Intolerância a lactose: entenda como ocorre (Foto: Divulgação)
Intolerância a lactose: entenda como ocorre (Foto: Divulgação)

Como diagnosticar a Intolerância a Lactose

O primeiro passo para diagnosticar a intolerância é notar possíveis mudanças no comportamento após ingerir leite ou outros derivados. Se houver alguns desconfortos, procure o médico. O especialista irá perguntar sobre a alimentação, o dia a dia e alguns sintomas que você possa ter sentido. Para comprovar a intolerância existem 3 tipos de exames que podem ser feitos:

– Exame de Intolerância a Lactose: o paciente ingere uma quantidade de líquido rico em lactose e depois é realizado o exame para verificar a quantidade de glucose no sangue.

– Exame de Hidrogênio: o paciente ingere o líquido rico em lactose e depois de alguns minutos é verificada através do hálito qual a quantidade de hidrogênio expelido.

– Medidor de Ácidos: é solicitado um exame de fezes.

Obtendo os cuidados necessários a pessoa que é intolerante a lactose pode ter uma vida saudável e normal.

bety

Meu nome é Bety, sou Pedagoga tenho duas paixões na vida: ler e escrever. Depois que começo a digitar não consigo mais parar, escrevo de tudo um pouco, informação nunca é de mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *