Reeducação alimentar: o que é? Como funciona?

Entenda como a reeducação alimentar pode mudar sua vida e te dar uma vida mais saudável, clique e confira!

Reeducação alimentar é mudar seus hábitos e costumes tanto em relação à comida, quanto em relação a atividades físicas. Se reeducar é uma coisa séria e não pode ser feita por qualquer pessoa. Antes de pensar em fazer uma reeducação alimentar saiba que você precisará ser persistente, paciente e ter força de vontade. Você não deixa de comer doces e passa a comer apenas frutas e legumes, se reeducar é aprender que você pode comer de tudo, mas sem exagerar. Para a reeducação dar certo você precisa entender que pode sim comer o que quiser, sem abusar demais.

Antes de entrar de cabeça em uma Reeducação alimentar, consulte um médico. Nem sempre o que vale para uma pessoa, vale para todos. Só um médico poderá fazer o seu acompanhamento e te dirá às dicas que você precisa saber.

Dicas para fazer uma Reeducação alimentar

Reeducação alimentar: o que é? Como funciona? (Foto: Divulgação)
Reeducação alimentar: o que é? Como funciona? (Foto: Divulgação)

Muitas vezes não sabemos por onde começar em uma dieta e não queremos procurar um especialista. Então vamos ver algumas dicas que lhe ajudarão muito nesse novo processo:

– Nada de comer sempre a mesma coisa. Procure coisas diferentes, nutritivas, saudáveis e gostosas para variar o cardápio sempre. Se as refeições sempre forem as mesmas, você vai acabar achando toda a Reeducação chata e vai acabar caindo em tentação.

– Consuma alimentos integrais e com baixa quantidade de gordura saturada

– Não veja a reeducação alimentar como um castigo. Você não precisa excluir alimentos do seu cardápio, basta comer em poucas quantidades. Não deixe de comer o que gosta, apenas coma adequadamente.

– Beba até 10 copos de água por dia

– Deixe os refrigerantes de lado e substitua-os por sucos naturais

– Faça atividades físicas todos os dias

– Comer de 3 em 3 horas

– Dormir bem

– Criar uma meta e um determinado tempo para atingi-la

Cardápio da Reeducação alimentar

Reeducação alimentar: o que é? Como funciona? (Foto: Divulgação)
Reeducação alimentar: o que é? Como funciona? (Foto: Divulgação)

Essas duas opções de cardápio é apenas uma amostra de uma alimentação saudável, o certo é você consultar uma nutricionista e ela sim te dirá os alimentos certos para você. Caso queira seguir algumas das opções abaixo, fique à vontade. Mas lembre-se de variar sempre.

Primeira opção

Café da Manhã: 1 xicara de café ou 1 xícara de chá, 1 torrada com uma fatia de queijo branco e 1 fruta

Lanche: 1 copo de suco de maracujá

Almoço: 1 prato de sobremesa de salada de agrião, 1 filé médio de peito de frango, 3 colheres de arroz branco e 1 pera

Lanche: 1 banana prata

Jantar: 1 prato de salada de palmito e alface americana, 2 almôndegas médias ao sugo, 2 colheres de sopa de milho cozido, 2 colheres de arroz integral e 1 xícara de salada de frutas

Antes de dormir: 1 fatia de queijo minas

Segunda opção

Reeducação alimentar: o que é? Como funciona? (Foto: Divulgação)
Reeducação alimentar: o que é? Como funciona? (Foto: Divulgação)

Café da Manhã: 1 xícara de leite desnatado com 2 colheres de achocolatado e 1 fatia de brownie

Almoço: 1 maçã, 1 prato de salada de alface e cenoura ralada, 1 fatia média de carne cozida, 2 colheres de sopa de arroz e 1 laranja

Lanche: 1 taça de gelatina diet

Jantar: 1 prato de salada de acelga e beterraba cozida, 2 conchas de estrogonofe de frango, 2 colheres de arroz e 2 pêssegos

Antes de dormir: 1 copo de iogurte desnatado

Fazer mudanças tanto no nosso cardápio quanto na nossa maneira de nos alimentar não é uma coisa fácil. Mas é necessário fazer para melhorar nosso bem estar e evitar problemas mais sérios futuramente. A reeducação alimentar é a melhor escolha se você quer mudar seus hábitos e não parar de comer ou passar fome, pois ela não restringe alimentos, apenas lhe ajuda a melhorar sua alimentação.

bety

Meu nome é Bety, sou Pedagoga tenho duas paixões na vida: ler e escrever. Depois que começo a digitar não consigo mais parar, escrevo de tudo um pouco, informação nunca é de mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *